Papa aceita renúncia de bispo de Janaúba acusado de desvio de verbas da igreja

O papa Francisco aceitou o pedido de renúncia do bispo de Formosa, dom José Ronaldo Ribeiro (foto), acusado de desviar dinheiro da Igreja Católica. A Nunciatura Apostólica no Brasil comunicou a decisão do papa na manhã de hoje. A notícia foi publicada no jornal “L’Osservatore Romano”.
Em 19 de março, o Ministério Público de Goiás deflagrou a “Operação Caifás”, que resultou no cumprimento de 9 mandados de prisão contra grupo acusado de desviar dinheiro de 33 paróquias vinculadas à Diocese de Formosa.
Dom José Ronaldo, ex-bispo de Janaúba, 5 padres e outras pessoas vinculadas à Cúria da região goiana permaneceram presos por quase 30 dias e, após a terceira tentativa de habeas corpus, conseguiram a liberação do Presídio de Formosa.
Em 6 de junho de 2007, dom José Ronaldo Ribeiro foi nomeado bispo de Janaúba. Sete anos mais tarde, ele ficou à frente da Diocese de Formosa e tomou posse em 22 de novembro de 2014. No fim de 2015, já havia denúncias de fiéis sobre os desvios.
Fonte: www.montesclaros.com

Leia Também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.