Países do oriente, inclusive a Rússia, iniciam maior treinamento militar pós-guerra fria e mundo fica assustado

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, e seu colega chinês, Xi Jinping, assistiram juntos ao início das maiores manobras das forças militares russas já feitas desde a era soviética, com participação da China e da Mongólia.
Os dois acompanharam ontem os jogos de guerra direto do Fórum Econômico do Extremo Oriente, em Vladivostok, onde conversaram sobre diversos temas políticos e prometeram reforçar sua parceria contra o protecionismo, numa referência implícita ao governo dos EUA.
Os exercícios militares contam com quase 300 mil soldados de todos os setores das Forças Armadas russas e o apoio dos militares chineses e mongóis.
A Otan, aliança militar liderada pelos EUA, denunciou os exercícios como um ensaio para um “conflito em larga escala”. O evento foi batizado como Leste-2018 e prosseguirá até 17 de setembro na Sibéria Oriental e no Extremo Oriente russo.
Fonte: www.montesclaros.com

Leia Também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.