Barrados em motel, jovens se irritam e atiram contra portaria. Acabam presos com revolver

Seis jovens foram detidos na tarde desta quarta-feira (7) com uma arma de fogo em Montes Claros, no Norte de Minas. A PolA�cia Militar afirma que uma denA?ncia informou que o grupo efetuou disparos de arma de fogo prA?ximo a um motel, na Avenida Governador MagalhA?es Pinto.

Militares foram acionados e iniciaram o rastreamento na regiA?o. “Na Avenida Geraldo Athayde nA?s deparamos com o veA�culo mas, ao perceber que seriam abordados, o condutor inciou uma fuga furando alguns semA?foros e sA? parou apA?s bater na traseira de outro veA�culo que aguardava a abertura de um sinal, na PraA�a de Esportes, no Centro”, explica o sargento Adelmo Pires.

Entre os detidos estA?o duas moA�as, de 17 e 19 anos, e quatro rapazes de 17, 18 e 21 anos. Para a polA�cia eles afirmaram que foram ao motel para comemorar o aniversA?rio de 17 da adolescente, completados nesta terA�a-feira (5). “Eles afirmaram para a gente que foram atA� o motel para comemorar o aniversA?rio da adolescente de 17 anos. PorA�m, ao solicitarem uma suA�te, foram informados que todos os quartos do motel estavam ocupados. Por isso eles saA�ram e dispararam a arma”, diz o sargento.

A arma usada pelo grupo foi encontrada no carro, que foi removido a um pA?tio credenciado. A PM afirmou que novos levantamentos serA?o realizados para verificar se o grupo possui envolvimento com outros crimes na cidade. Os seis detidos foram levados para o pelotA?o da PM no Bairro Santos Reis, mas serA?o encaminhados A� delegacia de plantA?o ainda nesta quarta-feira.

Fonte: G1 Grande Minas

https://g1.globo.com/mg/grande-minas/noticia/apos-nao-encontrar-quarto-disponivel-em-motel-grupo-atira-e-e-detido-em-montes-claros.ghtml

Foto: Valvivan Veloso, G1

Leia Também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.